Controle Integrado de Moscas (CIM)

Controle Integrado de Moscas (CIM) - Programa Biossegurança Bayer

As moscas representam sério problema para a criação intensiva de animais de produção. Na avicultura de postura as gaiolas ficam distante do solo, ocorrendo acúmulo de esterco na parte inferior das mesmas. A suinocultura é uma atividade que cria ambientes favoráveis para o desenvolvimento de moscas junto às lagoas de decantação. Já em galpões avícolas de matrizes ou de frangos de corte a mosca não representa um problema freqüente. A produção excessiva de moscas pode causar, além de prejuízos para o próprio avicultor pela transmissão de doenças, baixa produção dos operários pelo contínuo incômodo causado pela presença dos insetos e diminuição na qualidade dos ovos na avicultura de postura por sujidades depositadas pelas moscas.

A espécie de mosca predominante na indústria agropecuária é a Musca domestica - mosca-doméstica - pertencente ao gênero Musca, família Muscidae, subordem Brachycera, ordem Diptera, classe Insecta.

Existem diversos fatores que afetam a população de moscas, entre eles:

Matéria orgânica

As moscas se desenvolvem na matéria orgânica de origem animal e vegetal em decomposição ou fermentação. Na zona rural as fezes de suínos e aves constituem importante substrato de desenvolvimento de moscas. Na zona urbana, o lixo doméstico é o principal substrato.

Umidade

As larvas da mosca precisam de umidade para o seu desenvolvimento, o que é propiciado pelo acúmulo de esterco úmido. As condições são facilitadas na presença de bebedouros com vazamentos, em áreas alagadas e na ausência de luz. Os ovos de galinha quebrados e as cascas dos ovos deixadas no esterco o transformam em substrato atraente para as moscas. Inversamente, se o esterco secar rapidamente, as larvas não encontrarão condições para o seu desenvolvimento e morrerão.

Temperatura

As moscas desenvolvem-se rapidamente em temperaturas elevadas, apresentando desenvolvimento praticamente interrompido sob baixas temperaturas. Em galpões com temperatura controlada, as moscas representam um problema durante o ano todo. Por exemplo, em temperatura de 30°C as moscas completam seu ciclo de desenvolvimento em apenas seis dias.

Inimigos naturais

No esterco há muitos predadores e parasitas que se alimentam dos ovos, das larvas e das pupas de moscas. Entre eles incluem-se muitas espécies de ácaros que se alimentam dos ovos; besouros que se alimentam de larvas; pequenas vespas que põem seus ovos dentro das pupas das moscas, as quais servem de alimento para as larvas das vespas.

Produtos Relacionados: