24/05/2016

Desempenho das carnes na terceira semana de maio

Campinas, 24 de Maio de 2016 - Após sensível recuo na semana anterior, na terceira semana de maio (15 a 21, cinco dias úteis) as exportações ...

Campinas, 24 de Maio de 2016 - Após sensível recuo na semana anterior, na terceira semana de maio (15 a 21, cinco dias úteis) as exportações de carnes apresentaram recuperação, chegando a resultados (receita cambial) não muito distantes daqueles registrados na semana inicial do mês.

 Com tal desempenho, fecharam os primeiros 15 dos 21 dias úteis de maio com uma receita cambial que, pela média diária, é menos de 1% menor que as registradas em abril passado e em maio de 2015. Quer dizer: como maio corrente tem um dia útil a mais que os dois meses citados, é possível que o mês seja fechado (pela média diária) não só com resultado superior ao de maio/15 e abril/16, mas também com o melhor desempenho dos últimos seis meses.

 Comparativamente ao mês anterior e no tocante ao volume, só a carne de frango pode apresentar resultado negativo: as carnes suína e bovina sinalizam aumento superior a 10%. Já em relação ao mesmo mês do ano passado as três carnes caminham para resultados amplamente favoráveis.

 Dessa forma, os volumes até aqui embarcados projetam aumentos de volume de 16% para a carne bovina, de 21% para a carne de frango e de 34% para a carne suína.

Fonte: Fonte dos dados básicos: SECEX/MDIC - Elaboração e Análises: AVISITE